Últimas Notícias

Nascimento de Empresas

Número de novas empresas cresce em dezoito estados do país em janeiro, revela Serasa Experian

31/03/2016

Levantamento regional mostra que São Paulo segue no topo do ranking de nascimentos de novos empreendimentos, com 45.550 negócios, seguido por Minas Gerais (19.469), Rio de Janeiro (19.044); Bahia, Ceará, Goiás e Rio Grande do Sul estão entre os que apresentaram queda no período

Em janeiro de 2016, 18 dos 27 estados brasileiros (66,6%) superaram a criação de novas empresas apresentado em janeiro de 2015, segundo o levantamento regional do Indicador Serasa Experian de Nascimentos de Empresas. A região Sudeste concentra os três estados com os números mais elevados de novos empreendimentos (São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro). No total, foram 166.613 novos empreendimentos no país, 10,4% maior do que o mês correspondente de 2015, quando 150.958 empresas foram abertas.

São Paulo foi o top do ranking com 45.550 nascimentos em janeiro de 2016, 15,5% a mais que em janeiro de 2015 (39.449). Minas Gerais está em segundo lugar, com 19.469 empresas abertas em janeiro/2016, 10,5% mais que em janeiro/2015 (17.618). Na terceira posição vem o Rio de Janeiro, com 19.044 companhias nascidas em janeiro/2016, 31,9% a mais do que em igual mês de 2015 (14.441).

O aumento no número de Microempreendedores Individuais (MEIs) foi fundamental para o aumento no nascimento de empresas no país. Foram 137.301 MEIs criadas em janeiro de 2016 (82,40% do total de novos negócios), contra 119.555 em janeiro de 2015 (quando as empresas desta natureza jurídica representavam 79,4% da amostra). Segundo os economistas da Serasa Experian, o crescimento pode ser creditado ao aumento do empreendedorismo por necessidade como alternativa ao aumento do nível de desemprego no país.

O Paraná recebeu 9.974 novos negócios em janeiro/2016, número 5,4% maior do que em janeiro/2015 (9.465). O Rio Grande do Sul registrou 9.452 novas empresas em janeiro/2016, superando janeiro de 2015 em 7,9% (8.763). A Bahia foi um dos nove estados que apresentaram queda nos novos negócios, mesmo assim ficou com o sexto lugar no ranking de estados que mais criaram empresas, com 8.119, 2,7% inferior aos 8.341 novos empreendimentos registrados no mesmo mês do ano anterior.

Em Santa Catarina registrou-se a abertura de 6.517 novas empresas em janeiro de 2016, 53% a mais do que as 4.260 instituídas em dezembro/2015 e 13,9% superior às 5.721 estabelecidas em janeiro/2015. Goiás agregou 5.910 novas empresas em janeiro/2016, superando em 57,7% as 3.746 registradas em dezembro/2015; porém, em relação a janeiro de 2015, quando 6.404 companhias surgiram, os nascimentos foram 7,7% inferiores.

O Ceará teve 5.409 novos negócios em janeiro de 2016, 0,5% a menos do que as 5.437 de janeiro/2015. Pernambuco registrou 5.398 novos empreendimentos em janeiro/2016, em relação a janeiro/2015 (5.294), o número foi 2% mais elevado. O Espírito Santo contabilizou 3.906 novos negócios em janeiro de 2016, contra 3.569 em janeiro/2015 (9,4% a mais). Pará teve a abertura de 3.866 novas empresas em janeiro/2016, número 8,7% superior às 3.558 de janeiro/2015 no estado.

No Distrito Federal, o Indicador Serasa Experian de Nascimentos de Empresas registrou 3.559 novas empresas em janeiro/2016, 32,8% a mais do que as 2.679 de janeiro/2015. Mato Grosso contou com 2.840 nascimentos empresariais em janeiro/2016, queda de 4,7% em relação a janeiro/2015 (2.980). Paraíba criou 2.319 novos negócios em janeiro de 2016, 4,3% a mais do que as 2.224 de janeiro/2016. No Maranhão, 2.229 novos empreendimentos foram estabelecidos em janeiro/2016, 2,1% a mais do que os 2.183 de janeiro/2015.

No Mato Grosso do Sul, 2.104 nascimentos aconteceram em janeiro/2016, 1% a mais do que as 2.083 de janeiro/2015. O Rio Grande do Norte teve a criação de 2.102 empresas em janeiro/2016, 2,3% a menos do que os nascimentos ocorridos em janeiro/2015 (2.152). Alagoas garantiu 1.793 novos negócios em janeiro de 2016, crescimento de 12,1% diante das 1.600 de janeiro/2015. No Amazonas, o número de novas empresas foi de 1.552, em janeiro de 2016, 0,7% a mais do que as 1.541 de janeiro/2015.

Em janeiro de 2016, o Piauí teve 1.228 nascimentos de empresas, 6,7% inferior em relação às 1.316 de janeiro/2015. O Tocantins recebeu 1.176 novas companhias em janeiro/2016, 6,6% a mais do que as 1.103 novas empresas de janeiro/2015. Em Rondônia o número de novas empresas chegou a 1.072 em janeiro/2016 e teve variação negativa de 3,7% em relação a janeiro/2015, quando 1.113 empresas foram criadas no estado. Em Sergipe o aumento no número de empresas foi de 47% em janeiro/2016, crescimento de 2,5% em relação a dezembro de 2015 (973 novas).

O Amapá registrou aumento foi de 45,4% devido às 284 companhias criadas naquele mês. No Acre nasceram 339 negócios em janeiro de 2016, 7,9% menos do que as 368 criadas em janeiro de 2015. Roraima teve 273 novas empresas em janeiro/2016, número 8,1% menor do que as 297 empresas nascidas em janeiro de 2015.

Ranking das variações acumuladas na comparação interanual janeiro/1016 vs. janeiro/2015, por Unidades da Federação

nasc_estadual

Participação de cada unidade da federação no volume de novos empreendimentos em janeiro de 2016

nasc_estadual1

Metodologia do estudo sobre Nascimento de Empresas

Para o levantamento do Nascimento de Empresas foi considerada a quantidade mensal de novas empresas registradas nas juntas comerciais de todas as Unidades Federativas do Brasil bem como a apuração mensal dos CNPJs consultados pela primeira vez à base de dados da Serasa Experian.

Serasa Experian

 

A Serasa Experian é líder na América Latina em serviços de informações para apoio na tomada de decisões das empresas. No Brasil, é sinônimo de solução para todas as etapas do ciclo de negócios, desde a prospecção até a cobrança, oferecendo às organizações as melhores ferramentas. Com profundo conhecimento do mercado brasileiro, conjuga a força e a tradição do nome Serasa com a liderança mundial da Experian. Criada em 1968, uniu-se à Experian Company em 2007. Responde on-line/real-time a 6 milhões de consultas por dia, auxiliando 500 mil clientes diretos e indiretos a tomar a melhor decisão em qualquer etapa de negócio. É a maior Autoridade Certificadora do Brasil, provendo todos os tipos de certificados digitais ICP-Brasil, tornando os negócios mais seguros, ágeis e rentáveis.

Constantemente orientada para soluções inovadoras em informações para crédito, marketing, identidade digital e negócios, a Serasa Experian vem contribuindo para a transformação do mercado de soluções de informação, com a incorporação contínua dos mais avançados recursos de inteligência e tecnologia.

Para mais informações, visite www.serasaexperian.com.br

Experian

A Serasa Experian é parte da Experian, líder mundial em serviços de informação, fornecendo dados e ferramentas de análise a clientes ao redor do mundo. O Grupo auxilia os clientes no gerenciamento do risco de crédito, prevenção a fraudes, direcionamento de campanhas de marketing e na automatização do processo de tomada de decisão. A Experian também apoia pessoas físicas na verificação de seus relatórios e scores de crédito e na proteção a fraudes de identidade. Em 2015, a Experian foi eleita pela revista Forbes como uma das companhias mais inovadoras do mundo.

A Experian plc está registrada na Bolsa de Valores de Londres (EXPN) e compõe o índice FTSE 100. A receita total para o ano fiscal encerrado em 31 de março de 2015 foi de US$ 4,8 bilhões. A empresa emprega cerca de 17.000 pessoas em 37 países e possui sede corporativa em Dublin, na Irlanda e sedes operacionais em Nottingham, no Reino Unido; na Califórnia, Estados Unidos, e em São Paulo, Brasil.

Para mais informações, visite www.experianplc.com

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.