Últimas Notícias

Hitwise

No Brasil, visitas ao Wikileaks.org registram crescimento de 9900% e interesse se mantém após site ser retirado do ar

15/12/2010

Enquanto autoridades de diversos países no mundo inteiro calculam o impacto na segurança e na diplomacia em decorrência dos documentos secretos vazados recentemente no site Wikileaks.org, em apenas uma semana, as visitas feitas ao site cresceram 9900% no Brasil da semana terminada em 27/11/2010 para a semana seguinte, terminada em 04/12/2010. Entretanto, ainda houve tentativas de visita logo na semana seguinte após o site ter sido retirado do ar. É o que revela a última pesquisa do Hitwise Brasil, um serviço da Serasa Experian que monitora o uso da internet de mais de 500 mil pessoas em 270 mil websites no Brasil todo. A pesquisa comparou a semana terminada em 27/12/2010 com as semanas seguintes, terminadas em 04/11/2010 e 11/12/2010.

O surto de visitas ao polêmico site do australiano Julian Assange, fundador do Wikileads.org e preso no início do mês, fez com que o site subisse da posição de 164.217º em 27/11/2010 no ranking geral de websites no Brasil para 3.054º em 04/11/2010, mas caindo agora para 8.749º. O Hitwise monitora semanalmente cerca de 270 mil websites visitados pelos brasileiros em toda a internet.

Posição no ranking semanal do site Wikileaks.org na internet brasileira em market share de visitas

O mais interessante, no entanto, é que as buscas contendo a palavra “wikileaks” aumentaram em todas as 3 semanas, o que demonstra que apesar do site ter sido retirado do ar, os brasileiros continuam se interessando pelo tema. A Wikipedia, o G1, o Estadão, o Terra e o Globo, por exemplo, aparecem entre os 10 sites que mais são visitados após a busca pelo termo “wikileaks”.

Crescimento das buscas contendo o termo “wikileaks” em market share de buscas

Por meio da nova funcionalidade de ranking por geografia lançada ontem no mercado, a pesquisa ainda conseguiu identificar os estados onde o site é mais visitado. Em termos representativos, ou seja, ponderando-se os dados com a população on-line de cada estado, o Wikileaks.org é mais visitado no Ceará, Espírito Santo, Paraíba, Distrito Federal e Pernambuco. Já em termos de popularidade, ou seja, em market share de visitas, os estados que lideram o ranking são São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais e Espírito Santo.

“Foi interessante poder identificar os locais que mais visitaram o site da Wikileaks.org principalmente em termos representativos. O Distrito Federal, por exemplo, visitou 78% mais este site do que a média de visitas feitas à internet na região no mesmo período” afirma Juliano Marcílio, Presidente da Unidade de Serviços de Marketing da Serasa Experian para América Latina.

 Sobre o Hitwise Brasil

O Hitwise Brasil é uma solução da Serasa Experian que apoia empresas de diversos segmentos no país a aumentar suas vendas on-line e a presença de suas marcas na internet por meio de informações e métricas de alta precisão sobre o comportamento do consumidor na web.

Lançado no Brasil em setembro de 2009, o Hitwise Brasil se diferencia no mercado por ser uma solução que monitora semanalmente a interação de mais 500 mil pessoas em todos os Estados do país em cerca de 270 mil websites, registrando mais de 25 milhões de termos de buscas diferentes em seus relatórios. Assim, permite a seus clientes obterem insights relevantes sobre o comportamento do consumidor, melhorarem seus resultados em campanhas de marketing de busca, desenhar planos de mídia mais efetivos, encontrar novos parceiros para programas de afiliados e monitorar seu despenho em comparação com seu setor de atuação e concorrentes.

A solução conta com instrumentos capazes de proporcionar diferentes análises do comportamento do consumidor e do desempenho das empresas na internet. O “Search Intelligence®”, uma poderosa ferramenta de busca por palavras-chave que avalia, de forma abrangente, como as pessoas procuram e se tiveram sucesso na busca por produtos e serviços. O “Clickstream” produz relatórios completos sobre o tráfego de origem e destino para um website, um setor ou uma categoria personalizada. O “Rankings” proporciona uma visão instantânea dos principais concorrentes e dos websites mais populares no país em mais de 100 setores da economia, ou ainda em categorias personalizadas. O “Geographics” acrescenta à funcionalidade anterior a capacidade de visualizar as mesmas informações com filtros de Estado ou região, além de identificar qual a origem geográfica das visitas feitas a diversos sites que são monitorados na pesquisa.

As informações do Hitwise Brasil são coletadas de forma anônima e agregada a partir de parcerias com painéis opt-in e obedecendo às leis de privacidade nacionais e internacionais. O compromisso de privacidade do Hitwise é auditado globalmente pela PricewaterhouseCoopers.

O Hitwise Brasil possui clientes no país em diversos setores da economia, como Bancos, Varejo, Turismo, Portais de Internet e Ferramentas de Busca. É parte do Hitwise, solução global da Experian e líder em diversos países com mais de 1.500 clientes no mundo inteiro. Atualmente mensura cerca de 25 milhões de pessoas globalmente e está presente há vários anos em mercados como Estados Unidos, Reino Unido, França, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Singapura e Hong Kong.

Para obter dados sobre o uso da Internet no Brasil, siga o Hitwise Brasil no Twitter pelo site www.twitter.com/hitwise_br

Para mais informações, acesse o site www.hitwise.com.br.

Sobre a Unidade de Serviços de Marketing da Serasa Experian

A Unidade de Negócios de Serviços de Marketing da Serasa Experian oferece ao mercado soluções eficazes e inovadoras para entendimento, prospecção, rentabilização e fidelização de clientes, entre elas ferramentas para marketing direto, marketing analítico e marketing digital.

Para mais informações, acesse o site www.serasaexperian.com.br/marketingservices.

Serasa Experian

A Serasa Experian é líder na América Latina em serviços de informações para apoio na tomada de decisões das empresas. No Brasil, é sinônimo de solução para todas as etapas do ciclo de negócios, desde a prospecção até a cobrança, oferecendo às organizações as melhores ferramentas. Com profundo conhecimento do mercado brasileiro, conjuga a força e a tradição do nome Serasa com a liderança mundial da Experian. Criada em 1968, uniu-se à Experian Company em 2007. Respondendo on-line/real-time a 4 milhões de consultas por dia, auxilia 400 mil clientes diretos e indiretos a tomar a melhor decisão em qualquer etapa de negócio. É a maior Autoridade Certificadora do Brasil, provendo todos os tipos de certificados digitais e soluções customizadas para utilização da tecnologia de certificação digital e de Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e), tornando os negócios mais seguros, ágeis e rentáveis.

Constantemente orientada para soluções inovadoras em informações para crédito, marketing e negócios, a Serasa Experian vem contribuindo para a transformação do mercado de soluções de informação, com a incorporação contínua dos mais avançados recursos de inteligência e tecnologia.

http://www.serasaexperian.com.br

Experian

A Serasa Experian é parte do grupo Experian, líder mundial em serviços de informação, fornecendo dados e ferramentas de análise a clientes em mais de 90 países. A empresa auxilia os clientes no gerenciamento do risco de crédito, prevenção a fraudes, direcionamento de campanhas de marketing e na automatização o processo de tomada de decisão. A Experian plc também apóia pessoas físicas no gerenciamento de seus relatórios e scores de crédito e na proteção a fraudes de identidade.

A Experian plc está registrada na Bolsa de Valores de Londres (EXPN) e compõe o índice FTSE 100, que é o principal indicador do desempenho médio das cotações da Bolsa de Londres. A receita total para o ano fiscal encerrado em 31 de março de 2010 foi de US$ 3,9 bilhões. A empresa emprega cerca de 15.000 pessoas em 40 países e possui sede corporativa em Dublin, na Irlanda e sedes operacionais em Nottingham, no Reino Unido; em Costa Mesa, na Califórnia e em São Paulo, Brasil.

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.