Últimas Notícias

Cadastro Positivo

Nota do presidente da Serasa Experian sobre a aprovação do Cadastro Positivo

03/12/2010

Os profissionais da Serasa Experian expressam sua imensa satisfação com a aprovação do Cadastro Positivo pelo Senado. Temos a certeza de que, com as informações comportamentais, o País entra numa nova era do crédito, fundamentada no que há de mais avançado no mundo para apuração do risco.

O Cadastro Positivo é a resposta que vários países buscaram e buscam para ter um sistema de informação de crédito adequado à sofisticação atual do ambiente de negócios. Todos os setores econômicos terão grandes benefícios com o Cadastro Positivo, pois risco gerenciado é crédito bem concedido, sinônimo de maior rentabilidade e competitividade para as empresas. As organizações indo bem, o País e a população vão melhor ainda.  Por essa razão, a Serasa Experian dirige a seus públicos esta mensagem de otimismo ainda maior com o futuro da economia brasileira, reafirmando sua posição de parceira essencial para o crescimento e sucesso dos negócios.

Com a precisão no dimensionamento do risco, os concedentes de recursos conseguem tomar melhores decisões, o que amplia a qualidade e a oferta de crédito, requisitos determinantes para o desenvolvimento econômico.

O maior beneficiário com a chegada do Cadastro Positivo, entretanto, é o consumidor. Nos países em que esse sistema foi implantado, foi possível distinguir bons de maus  pagadores. Com o risco de crédito individualizado, os juros seguiram na mesma direção, estimulando os consumidores a construírem um bom histórico de crédito, a terem uma boa reputação. Com as informações comportamentais, inserem-se mais pessoas no crédito, com encargos menores. O concedente de crédito conhece melhor para quem está emprestando, e o tomador tem seu prêmio por ser bom pagador. É mais justo.

No sistema de informações negativas de crédito, não se distinguem bons de maus pagadores. Portanto, todos pagam caro pelo crédito, pelo risco maior, de mau pagador. Há uma socialização dos custos da inadimplência. Com informação limitada sobre o pretendente ao crédito, todo o sistema financeiro fica revestido de um risco maior, o que naturalmente limita a expansão do crédito, como apontou o Prêmio Nobel de Economia, Joseph Stiglitz, em 1981.

A partir de agora, o arcaico modelo de informações negativas é página virada no País. A prática do cadastro de informações positivas, em sua integralidade, poderá afastar o presente risco de superendividamento e de uma possível bolha de crédito no Brasil. Existem condições para se reverter as arestas surgidas em décadas de um sistema imperfeito de informações de crédito. Precisamos colocar a mão na massa, logo!

A Serasa Experian está pronta para o Cadastro Positivo, que sempre foi nossa maior bandeira. Isso por nos empenharmos no aperfeiçoamento contínuo e por acreditarmos no crescimento sustentado do Brasil. Agora, o caminho está aberto.

Ricardo Loureiro

Presidente da Serasa Experian

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.