Últimas Notícias

Pontualidade de Pagamentos

Saúde financeira das micro e pequenas empresas é a melhor desde 2006, revela indicador inédito da Serasa Experian

18/05/2010

 

Video entrevista com o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, responsável pelo Indicador da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas.

 

A Serasa Experian lança hoje o Indicador Serasa Experian da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas, que acompanha pagamentos efetuados mensalmente por uma amostra de cerca de 600 mil micros e pequenas empresas aos seus fornecedores, registrados nas bases de informações da Serasa Experian. O indicador revelará mensalmente com que pontualidade essas empresas realizam seus pagamentos – ou seja, se pagam em dia ou se atrasam seus compromissos –, sinalizando, assim, a saúde financeira das micro e pequenas empresas brasileiras.

As micro e pequenas empresas, segundo dados do Sebrae, representam cerca de 99% das empresas brasileiras, geram 60% dos empregos e são responsáveis por 20% do PIB. “Por isso, entender a dinâmica das empresas deste porte, como funcionam e cumprem seus contratos, é fundamental para a compreensão do atual cenário econômico brasileiro”, afirma Ricardo Loureiro, presidente da Serasa Experian.

 Principais Resultados

O novo indicador revela que a saúde financeira das micro e pequenas empresas no Brasil atingiu o melhor nível desde 2006, quando se inicia a série do índice. A pontualidade de pagamentos atingiu 94,7% em abril de 2010. Isto significa que de cada 1000 compromissos financeiros que foram saldados em abril, 947 deles foram quitados à vista ou com no máximo 7 dias de atraso pelas micro e pequenas empresas, em todo o território nacional.

 Setor industrial paga melhor

Efetuando-se o corte por setor econômico, nota-se que a pontualidade de pagamento das micro e pequenas empresas é mais elevada no setor industrial em relação aos demais setores. Isto é algo que não ocorreu apenas em abril de 2010, mas, no mês a mês, em quase 70% dos resultados, refletindo, muito provavelmente, melhores práticas de gestão das micro e pequenas empresas que atuam no setor industrial.

 

Pagamentos Efetuados por Micro e Pequenas Empresas – Abril / 2010

Melhora é reflexo do cenário econômico e gestão

Numa perspectiva histórica, isto é desde 2006, é importante destacar que a pontualidade de pagamento das micro e pequenas empresas brasileiras tem evoluído numa trajetória favorável superando, inclusive, o período adverso dos impactos da crise financeira internacional sobre a economia brasileira. Tal evolução favorável é reflexo não apenas do cenário econômico quase sempre positivo que vigorou neste período, mas também de alguns fatores estruturais como a maior profissionalização das micros e pequenas empresas no Brasil, a maior formalização das relações de trabalho, a criação da personalidade jurídica do Micro Empreendedor Individual, dentre outros.

Pontualidade é maior no 2º Semestre

O indicador revela que existe um comportamento sazonal da pontualidade de pagamento das micro e pequenas empresas, concentrando-se os maiores índices ao longo do período compreendido entre os meses de junho a dezembro, posto que a atividade econômica tende a ser mais aquecida no segundo semestre do ano do que nos seus meses iniciais.

Pontualidade quadrimestral é a melhor desde 2006

No acumulado do primeiro quadrimestre de 2010, a pontualidade de pagamento das micro e pequenas empresas atingiu 94,4%, o maior valor da série histórica, iniciada em 2006, para um primeiro quadrimestre do ano.

Por setor, as micro e pequenas empresas industriais foram as que exibiram a mais elevada pontualidade de pagamento ao longo dos quatro primeiros meses de 2010: 94,7% contra 94,5% do setor de serviços, e 94,4% das micro e pequenas empresas comerciais.

Pagamentos Efetuados por Micro e Pequenas Empresas – Janeiro a Abril / 2010

A melhora da pontualidade de pagamentos das micros e pequenas empresas ocorre ao mesmo tempo em que a qualidade de crédito destas empresas também se recupera após sofrer os impactos da crise financeira internacional, sobretudo durante o primeiro semestre de 2009. De fato, o Indicador Serasa Experian da Qualidade de Crédito das Micros e Pequenas Empresas, que exibe numa escala de 0 a 100 a probabilidade de não entrar em inadimplência caso esta empresa venha requerer crédito, parou cair ao final de 2009 e, no primeiro trimestre de 2010, atingiu o patamar de 95,18 (abaixo ainda do patamar pré-crise mas superior ao verificado na média de 2007).

Tal configuração – aumento da pontualidade de pagamentos e recuperação da qualidade de crédito – tem contribuído para a redução dos níveis de inadimplência das micro e pequenas empresas no país. Assim, durante o primeiro trimestre de 2010, o Indicador Serasa Experian de Inadimplência das Empresas registrou queda de 8,2% da inadimplência das micro e pequenas empresas comparativamente ao primeiro trimestre de 2009.

Prioridade são dívidas de valores inferiores

O valor médio dos pagamentos efetuados pontualmente pelas micro e pequenas empresas brasileiras atingiu R$ 1.496,98 em abril de 2010, valor 9,8% inferior ao registrado em abril do ano passado. Em função dos impactos da crise financeira internacional, o valor médio dos pagamentos efetuados em dia reduziu-se no âmbito das micro e pequenas empresas as quais priorizaram efetuar, pontualmente, os pagamentos de menores valores. Neste aspecto, as maiores dificuldades de acesso ao crédito por parte das micro e pequenas empresas foi crucial para a redução observada nos valores médios dos pagamentos pontuais. Entretanto, já há alguns meses observa-se uma trajetória de ascensão de tais valores médios na medida em que o crédito às micro e pequenas empresas vai sendo gradualmente normalizado.

De qualquer modo, observa-se uma correlação direta entre valores médios e atrasos nos pagamentos, sinalizando um comportamento típico das micro e pequenas empresas (e talvez das demais empresas brasileiras) em priorizar pagamentos de menores valores em detrimento dos pagamentos de maior vulto.

Metodologia do Indicador Serasa Experian da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas

O Indicador Serasa Experian da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas é construído através dos pagamentos efetuados, mensalmente, por amostra de cerca de 600.000 micro e pequenas empresas, totalizando uma quantidade de, aproximadamente, 8 milhões de pagamentos registrados mensalmente, por seus fornecedores, nas bases de informações sobre pessoas jurídicas da Serasa Experian. O indicador é segmentado por setor econômico e inicia-se em janeiro de 2006. A Serasa Experian classifica como micro e pequenas empresas aquelas cujo faturamento líquido anual não ultrapassa o montante de R$ 4 milhões.

Família de indicadores

O Indicador Serasa Experian da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas agrega-se à nova família de indicadores lançados pela Serasa Experian a partir de 2009 e que buscam contribuir para que a sociedade brasileira possa formar melhor entendimento a respeito da evolução da atividade econômica e do crédito no país. Fazem parte desta nova família de indicadores o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito; o Indicador Serasa Experian da Demanda das Empresas por Crédito; o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio; o Indicador Serasa Experian de Atividade Econômica (PIB Mensal); o Indicador Serasa Experian da Qualidade de Crédito do Consumidor; o Indicador Serasa Experian da Qualidade de Crédito das Empresas; o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Atividade Econômica; o Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito ao Consumidor; Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito às Empresas; Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência do Consumidor; e o Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência das Empresas.

Além destes, a Serasa Experian também divulga mensalmente o Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor, o Indicador Serasa Experian de Inadimplência das Empresas, o Indicador Serasa Experian de Cheques Devolvidos por Insuficiência de Fundos e o Indicador Serasa Experian de Falências e Recuperações Judiciais.

O Indicador Serasa Experian da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas nasce sob a marca Serasa Experian, que conjuga a força do nome Serasa no mercado brasileiro com a liderança mundial da Experian.

 

PORTAL PME

Serasa Experian lança portal dedicado às micro e pequenas empresas

Com conteúdo exclusivo e inédito, site será um centro de conhecimento para os empresários dos pequenos negócios

Para ajudar o empresário das pequenas e médias empresas a lidar com suas finanças, a Serasa Experian lança nesta terça-feira, dia 18 de maio, o Portal PME, com artigos e indicadores exclusivos voltados ao segmento. O endereço do portal é www.serasaexperian.com.br/pme.

Desenvolvido em parceria com o Instituto Endeavor, organização sem fins lucrativos que promove o empreendedorismo em países em desenvolvimento, o portal traz uma seção dedicada a artigos e indicadores, todos com foco na economia brasileira e atenção especial às pequenas e médias empresas. Um deles será o Indicador Serasa Experian da Pontualidade de Pagamentos das Micro e Pequenas Empresas, que será lançado juntamente com o site.

“O portal quer atender esses empreendedores e ajudá-los a entender melhor o dinamismo da economia, por meio de indicadores exclusivos, desenvolvidos especialmente para esse público”, afirma Ricardo Loureiro, presidente da Serasa Experian. “Muitos empresários recorrem à Internet para ajudá-los com as finanças de seu negócio e encontram pouco material voltado especificamente para eles. Este portal será um grande centro de informações sobre crédito e educação financeira, de modo geral, disponíveis numa linguagem acessível ao empreendedor”.

Além dos textos, o portal também hospedará vídeos produzidos pela Endeavor, com foco em novas ideias e no dia-a-dia do empreendedor dos pequenos negócios. Estarão disponíveis, também, publicações da Serasa Experian voltadas ao mercado de crédito.

 Serasa Experian

A Serasa Experian é líder na América Latina em serviços de informações para apoio na tomada de decisões das empresas. No Brasil, é sinônimo de solução para todas as etapas do ciclo de negócios, desde a prospecção até a cobrança, oferecendo às organizações as melhores ferramentas. Com profundo conhecimento do mercado brasileiro, conjuga a força e a tradição do nome Serasa com a liderança mundial da Experian. Criada em 1968, uniu-se à Experian Company em 2007. Responde on-line/real-time a 4 milhões de consultas por dia, auxiliando 400 mil clientes diretos e indiretos a tomar a melhor decisão em qualquer etapa de negócio. É a maior Autoridade Certificadora do Brasil, provendo todos os tipos de certificados digitais e soluções customizadas para utilização da tecnologia de certificação digital e de Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e), tornando os negócios mais seguros, ágeis e rentáveis.

Constantemente orientada para soluções inovadoras em informações para crédito, marketing e negócios, a Serasa Experian vem contribuindo para a transformação do mercado de soluções de informação, com a incorporação contínua dos mais avançados recursos de inteligência e tecnologia.

www.serasaexperian.com.br

Experian

A Serasa Experian é parte do grupo Experian, líder mundial em serviços de informação, fornecendo dados e ferramentas de análise a clientes em mais de 65 países. A empresa auxilia os clientes no gerenciamento do risco de crédito, prevenção a fraudes, direcionamento de campanhas de marketing e na automatização o processo de tomada de decisão. A Experian plc também apóia pessoas físicas no gerenciamento de seus relatórios e scores de crédito e na proteção a fraudes de identidade.

A Experian plc está registrada na Bolsa de Valores de Londres (EXPN) e compõe o índice FTSE 100, que é o principal indicador do desempenho médio das cotações da Bolsa de Londres. A receita total para o ano fiscal encerrado em 31 de março de 2009 foi de US$ 3,9 bilhões. A empresa emprega cerca de 15.000 pessoas em 40 países e possui sede corporativa em Dublin, na Irlanda e sedes operacionais em Nottingham, no Reino Unido; em Costa Mesa, na Califórnia e em São Paulo, Brasil.

Para mais informações, visite http://www.experianplc.com

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.