Últimas Notícias

Estudos de Inadimplência

Serasa Experian revela queda de 34% no número de falências decretadas até novembro

03/12/2008

No acumulado de janeiro a novembro de 2008, em comparação
com o mesmo período de 2007, o número de falências decretadas apresentou queda
de 34%, segundo o Indicador Serasa Experian de Falências e Recuperações.
De acordo com o levantamento, houve 924 falências decretadas até novembro de
2008, enquanto nos onze meses de 2007 foram decretadas 1.399
falências.

A queda é acompanhada pelas falências
requeridas. De janeiro a novembro deste ano foram registrados 2.070 pedidos de
falência, contra 2.517 até novembro de 2007, o que representou um recuo de
17,8%.

Em contrapartida, as recuperações
judiciais requeridas tiveram, de janeiro a novembro de 2008, alta de 6,8% sobre
o mesmo período de 2007. Até o décimo primeiro mês de 2008, foram verificados
266 requerimentos de recuperação judicial, ao passo que de janeiro a novembro
de 2007, houve 249 pedidos.

Quanto às falências judiciais
deferidas, houve elevação de 8,3% até novembro de 2008, quando comparado com os
onze meses de 2007. Foram registrados, de janeiro a novembro de 2008, 196
deferimentos, contra 181 no mesmo período do ano passado.

As recuperações judiciais concedidas,
por sua vez, somaram 29 eventos de janeiro a novembro de 2008, 163,6% a mais
que as 11 concessões registradas até novembro de 2007.

Já as recuperações extrajudiciais
requeridas, de janeiro a novembro deste ano, apresentaram 33,3% de alta, ante o
mesmo acumulado de 2007. Foram registrados 12 requerimentos de recuperação
extrajudicial até novembro de 2008, enquanto nos onze meses de 2007, foram 9
pedidos.

Houve, ainda, 5 recuperações
extrajudiciais homologadas até novembro deste ano, mesmo número de homologações
verificado de janeiro a novembro de 2007.

Variação mensal

O número de falências requeridas
apresentou alta de 17,4% em novembro de 2008, comparando-se com o mesmo mês de
2007. Foram registrados, no décimo primeiro mês de 2008, 189 pedidos de
falência, contra 161 requerimentos registrados em novembro de 2007.

As falências decretadas, no entanto,
apresentaram queda em novembro de 2008 sobre o penúltimo mês de 2007. Em
novembro deste ano, foram decretadas 85 falências, ao passo que em novembro de
2007 houve 110 eventos, o que representou um decréscimo de 22,7%.

Já as recuperações judiciais
requeridas, em novembro de 2008, apresentaram elevação de 143,8% na comparação
com novembro de 2007. No décimo primeiro mês deste ano, houve 39 pedidos de
recuperação judicial, contra 16 eventos registrados no penúltimo mês de
2007.

Quanto às recuperações judiciais
deferidas, houve, em novembro de 2008, 24 eventos, ante 9 deferimentos em
novembro de 2007, o que significou alta de 166,7%.

As recuperações judiciais concedidas,
por sua vez, somaram 4 eventos no penúltimo mês de 2008. No mesmo mês de 2007,
não houve nenhuma concessão. Foi registrado 1 pedido de recuperação
extrajudicial em novembro deste ano, enquanto em novembro de 2007 foram
requeridas 3 recuperações extrajudiciais.

Não houve evento de recuperação
judicial homologada no penúltimo mês deste ano. Em novembro de 2007, houve 3
homologações.

Análise

Entre janeiro e novembro de 2008, o
número de falências requeridas e decretadas diminuiu, respectivamente, 17,8% e
34%, em relação ao mesmo período do ano anterior. Para os técnicos da Serasa
Experian, a queda desses indicadores reflete o crescimento da economia
brasileira, observado nos últimos anos, do nível de atividade, e do emprego e
renda da população, responsáveis pelas boas condições de crédito, o que
permitiu a melhora do fluxo de caixa das empresas e reduziu os pedidos e
decretos de falências.

Foram requeridas 266 recuperações
judiciais entre janeiro e novembro de 2008, aumento de 6,8% em relação ao mesmo
período de 2007, sendo que desse total, 19 ocorreram no mês de outubro e 39 no
mês de novembro de 2008. O número de recuperações judiciais deferidas e
concedidas também aumentou 8,3% e 163,6%, no mesmo período
comparativo.

A partir de julho de 2008 houve
crescimento no número de recuperações requeridas, o que, somado ao atual
cenário de aumento da taxa básica de juros (Selic), incertezas geradas pelo
agravamento da crise financeira internacional e seus impactos sobre a liquidez
e solvência mundial e interna, culminou no aumento de recuperações judiciais
concedidas e deferidas.

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.