Últimas Notícias

Estudos Econômicos

Vendas do comércio sobem 10,7% no trimestre

17/04/2008

As vendas do comércio aumentaram 10,7% no primeiro trimestre de 2008, na
comparação com o mesmo período do ano passado, apontou o Indicador Serasa de
Atividade do Comércio.O varejo especializado (eletroeletrônicos, veículos,
materiais de construção etc.) cresceu 13,4% no período. As vendas nos
hipermercados e supermercados (varejo de alimentos e bebidas em mercearias,
açougues, quitandas e distribuidores de bebidas) subiram 7,2% na mesma
comparação.

Na comparação de março deste ano com março de 2007, as vendas totais
evoluíram 8,8% no período, sendo que o volume de vendas dos hipermercados,
supermercados e do varejo de alimentos e bebidas cresceu 6,5%, e o varejo
especializado registrou elevação de 11,1% no seu volume de vendas.

Ao comparar com o mês anterior (fevereiro de 2008), as vendas aumentaram
10,8%, com acréscimo de 12,2% nas vendas do varejo composto pelos
hipermercados, supermercados e varejo de alimentos e bebidas, e alta de 9,5% no
varejo especializado.

Análise

O Indicador Serasa de Atividade do Comércio fechou o 1º trimestre (10,7%)
com desempenho ligeiramente superior ao verificado em igual período de 2007
(10,3%), novamente puxado pelo varejo especializado, mais dependente do crédito
por conta da comercialização de produtos de maior valor agregado.

Na relação anual, a desaceleração das vendas em março deste ano (8,8%) sobre
março do ano passado (10,1%) se deve ao efeito-calendário, já que em 2007 o
terceiro mês do ano não registrou nenhum feriado e em 2008, houve a Semana
Santa, determinando um menor número de dias úteis de vendas para o varejo.

Na comparação março de 2008 com fevereiro, mesmo sendo ano bissexto
(fevereiro com um dia a mais), março apresentou 5 sábados, o que favoreceu a
evolução das vendas do varejo, apesar da Semana Santa. Esta, por outro lado,
alavancou, principalmente, as vendas do varejo de hipermercados, supermercados
e varejo de alimentos e bebidas com produtos típicos da data (Ovos de Páscoa,
Bacalhau etc.). O real valorizado, tornando as importações mais baratas, também
favoreceu o varejo de alimentos e bebidas na Páscoa.

Para os técnicos da Serasa, de forma geral, o comércio vai bem neste início
de 2008, praticamente repetindo o desempenho de 2007. A maior oferta de
crédito, o alongamento dos prazos de financiamento e as promoções do varejo são
pontos favoráveis nessa direção.

Metodologia

O Indicador Serasa de Atividade do Comércio analisa os eventos ocorridos em
todo o Brasil, que refletem o comportamento da evolução do volume de vendas do
comércio varejista. O modelo estatístico de múltiplas variáveis considera uma
amostra de 6.000 empresas das mais representativas do varejo em todo o
país.

O ponto de partida e ferramental exclusivo são as consultas registradas
pelas empresas que compõem a amostra ao banco de dados da Serasa, uma das
maiores empresas do mundo em informações e análises econômico-financeiras para
apoiar decisões de crédito e negócios. A Serasa possui em sua base de dados
informações de cerca de 5,3 milhões de empresas de todos os setores
econômicos.

A Serasa, uma empresa do grupo Experian, é a maior empresa do Brasil em
pesquisas, informações e análises econômico-financeiras para apoiar decisões de
crédito e negócios e referência mundial no segmento. Participa ativamente no
respaldo às decisões de crédito e de negócios tomadas em todo o Brasil,
facilitando aproximadamente 4 milhões de negócios por dia, para mais de 400 mil
clientes diretos ou indiretos.

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.