Últimas Notícias

Estudos de Inadimplência

Falências recuam no primeiro bimestre de 2008, registra indicador nacional da Serasa

05/03/2008

O volume de falências de empresas voltou a cair no primeiro bimestre de
2008, na comparação com o acumulado de janeiro e fevereiro de 2007, apontou o
Indicador Serasa de Falências e Recuperações. Houve um recuo de 37% nos pedidos
de falência no período, sendo que no primeiro bimestre de 2008 foram requeridas
302 falências e nos dois meses de 2007, 479.

O mesmo comportamento foi observado no volume de falências decretadas. Nos
dois primeiros meses deste ano, foram decretadas 173 falências, enquanto no
mesmo acumulado do ano passado os registros totalizaram 180 falências
decretadas, o que representou uma queda de 3,9%.

O indicador da Serasa apontou ainda um decréscimo de 19% nos pedidos de
recuperação judicial este ano até fevereiro. Houve, no primeiro bimestre de
2008, 34 requerimentos de recuperação judicial e em 2007, 42 pedidos.

As recuperações judiciais deferidas somaram 15 eventos nos dois primeiros
meses deste ano, ante 32 no mesmo período do ano passado, com uma variação
negativa de 53,1%. Houve 1 recuperação judicial concedida no acumulado de
janeiro e fevereiro de 2008, e 2 no bimestre de 2007, o que representou uma
queda de 50%.

No primeiro bimestre de 2008, não foi registrado pedido de recuperação
extrajudicial e nenhuma recuperação extrajudicial foi homologada. Em janeiro e
fevereiro de 2007, foram registrados 3 pedidos de recuperação extrajudicial e 1
homologação.

Em fevereiro

De acordo com a Serasa, em fevereiro deste ano as falências requeridas
caíram 41,6% em relação ao mesmo mês de 2007. Os pedidos de falência
totalizaram 164 eventos no segundo mês de 2008, enquanto em fevereiro do ano
passado foram requeridas 281 falências.

Já o volume de falências decretadas aumentou no período. O crescimento foi
de 17,6%. Houve registros de 100 falências decretadas em fevereiro deste ano,
contra 85 decretos, no mesmo mês de 2007.

Quanto às recuperações judiciais requeridas, foram 19 no segundo mês de
2008, contra 22 em fevereiro de 2007, representando uma queda de 13,6%. 5
recuperações judiciais foram deferidas em fevereiro deste ano. No ano passado,
foram 16 deferimentos. A variação no período foi de – 68,8%. Não houve registro
de concessão de recuperação judicial em fevereiro de 2008 ou de 2007.

Em relação às recuperações extrajudiciais, não foi registrado requerimento
ou homologação desse evento em fevereiro de 2008. No segundo mês de 2007, houve
1 pedido de recuperação extrajudicial e nenhuma homologação.

Análise

Para os técnicos da Serasa, o bom momento econômico experimentado pelo país
em 2007 e neste início de 2008 – em termos de crescimento das vendas, da
produção e do agronegócio – contribuiu para a queda dos indicadores de
insolvência das empresas no primeiro bimestre de 2008.

É importante destacar que na análise bimestral a queda das falências
decretadas (-3,9%) é a menor quando comparada às demais estatísticas. O pequeno
recuo no bimestre está coerente com o comportamento desse evento na variação
mensal, em que a modalidade apresenta um aumento de 37%, e na variação com
igual mês do ano anterior, que registrou uma evolução de 17,6%, único
desempenho positivo no período. Esse fato confirma a alta verificada pelo
Indicador Serasa de Inadimplência Pessoa Jurídica na inadimplência das
empresas, sobretudo nas micro e pequenas empresas, que ampliaram seu acesso ao
crédito e também estão experimentando um novo papel, o de concedentes de
crédito, para poderem competir no mercado.

A Serasa, uma empresa do grupo Experian, é a maior empresa do Brasil em
pesquisas, informações e análises econômico-financeiras para apoiar decisões de
crédito e negócios e referência mundial no segmento. Participa ativamente no
respaldo às decisões de crédito e de negócios tomadas em todo o Brasil,
facilitando aproximadamente 4 milhões de negócios por dia, para mais de 400 mil
clientes diretos ou indiretos.

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.