Últimas Notícias

Soluções

Serasa lança Relatório de Responsabilidade Ambiental para a sustentabilidade nos negócios

31/07/2007

A Serasa lançou o Relatório de Responsabilidade Ambiental, solução inédita
que visa a mensurar as práticas de gestão ambiental das empresas brasileiras e
a destacar o comprometimento dessas organizações com as questões relacionadas
ao meio ambiente.

Até o momento tem sido possível analisar apenas o risco econômico-financeiro
de uma empresa, por meio da solução Credit Rating Serasa, um avançado sistema
de classificação do risco de crédito de pessoas jurídicas. A partir de agora,
com o Relatório de Responsabilidade Ambiental, as empresas têm a oportunidade
de conhecer o risco de seus clientes também sob a ótica ambiental. O Relatório
agrega ao Credit Rating a dimensão ambiental na avaliação do risco global da
empresa.

Para Elcio Anibal de Lucca, presidente da Serasa, a avaliação da
responsabilidade ambiental das empresas representa um compromisso da Serasa com
o desenvolvimento sustentável. “A sustentabilidade é hoje um conceito chave na
gestão estratégica dos negócios. Devemos buscar o desenvolvimento econômico em
seu stricto sensu, com responsabilidade social e preservação do meio ambiente,
e fundamentado em políticas de longo prazo, reconhecidas pelas partes
interessadas”, afirma o presidente.

Franklin Mendes, gerente de Produtos Riscos Socioambientais da Serasa,
aponta que o desenvolvimento de um sistema de avaliação da responsabilidade
ambiental das organizações é fruto do pioneirismo da Serasa e beneficia as
empresas, que vêm sendo cobradas, por seus parceiros e pela sociedade, a levar
em conta os aspectos ambientais, além dos sociais, na realização de seus
negócios.

“O aumento da consciência ambiental tem influenciado mudanças de postura em
todos os agentes econômicos, fazendo com que um número cada vez maior de
empresas adote o conceito de negócios sustentáveis. Essa consciência também tem
influenciado o mercado financeiro, que passou a incluir critérios de finanças
sustentáveis nas suas estratégias de negócios”, destaca o gerente.

O Relatório de Responsabilidade Ambiental, por meio de metodologia baseada
nas melhores práticas internacionais, analisa a responsabilidade ambiental das
empresas de acordo com o grau de aderência das organizações aos parâmetros que
compõem os quatro critérios ambientais, definidos como fundamentais. Esses
critérios são política e gestão ambiental, em que são identificadas ações
coordenadas da empresa para potencializar a responsabilidade ambiental; consumo
racional de recursos naturais, que visa a identificar a preocupação da empresa
com a racionalização no uso dos recursos naturais; aspectos e impactos
ambientais, os quais demonstram a potencialidade dos riscos ambientais
decorrentes das atividades da empresa e as medidas adotadas para prevenir sua
ocorrência; e conformidades legais, que diagnosticam a situação da empresa em
relação ao cumprimento das disposições legais no tema.

Além disso, o Relatório classifica o grau de responsabilidade ambiental da
empresa, em relação às melhores práticas, em cinco níveis, descritos da
seguinte forma: alto; bom, satisfatório, razoável e não alinhamento.

As empresas privadas, comprometidas com os princípios dos negócios
sustentáveis, têm no Relatório uma importante ferramenta para a implantação de
conceitos de seleção de seus fornecedores e parceiros, possibilitando vínculos
economicamente viáveis e ambientalmente justos. As estatais, que vêm adotando
processos de fusões e aquisições públicas sustentáveis, também o têm como
facilitador em suas estratégias para disciplinar a concorrência. E os bancos
passam a incorporar em suas análises de crédito a avaliação da gestão
ambiental.

A solução, entre outras vantagens, provoca reflexões sobre as práticas
ambientais desenvolvidas pelas empresas e por seus parceiros, além de
contribuir para a sustentabilidade nos negócios. A grande beneficiada com o
Relatório de Responsabilidade Ambiental, no entanto, é a sociedade, que ganha
com a prática das ações sustentáveis de empresas e bancos.

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.