Últimas Notícias

Pesquisas Serasa de Perspectiva Empresarial

Apenas 35% do comércio aposta em crescimento das vendas no Dia das Mães, revela pesquisa da Serasa

04/05/2006

A Serasa ouviu 948 empresas do comércio em todo o país. Desse total, 65%
estão convencidas de que o volume de vendas de suas empresas deve cair ou ser o
mesmo do Dia das Mães de 2005.

A maior parte do empresariado brasileiro do comércio, 43%, espera repetir no
Dia das Mães deste ano o volume de vendas registrado em 2005, e 22% acreditam
em queda. Somente 35% dos entrevistados apostam em crescimento das vendas. É o
que aponta a pesquisa inédita de Perspectiva Empresarial feita pela Serasa,
entre 06 e 12 de abril, com o setor de comércio.

A nova pesquisa da Serasa, que há 37 anos tem participação expressiva na
evolução econômico-financeira do Brasil, ouviu uma amostra de 948 empresas
representativas do setor do comércio, dos portes pequeno, médio e grande e das
regiões norte, nordeste, sul, centro-oeste e sudeste.

De acordo com a pesquisa, as grandes empresas do setor, 62% delas, são mais
otimistas e acreditam em crescimento das vendas. As pequenas contam com
estabilidade e queda.

Na análise regional, a região Nordeste (48%) e a Norte ( 46%) acreditam que
o volume de vendas será maior este ano. A Sul, 24%, é a que menos aposta em
alta.

Segundo o levantamento da Serasa, a maior parte dos empresários do comércio,
63%, espera para o Dia das Mães queda ou o mesmo faturamento verificado no Dia
das Mães de 2005. Somente 37% acreditam em aumento do faturamento. As grandes
empresas do setor são mais otimistas, 60% esperam alta do faturamento, enquanto
apenas 33% das pequenas empresas compartilham da mesma perspectiva.

As regiões menos otimistas com o Dia das Mães, segunda melhor data para o
comércio, são a Sul e o Centro-Oeste. Somente 29% esperam alta no faturamento.
Já a região Nordeste é a mais otimista. Metade dos empresários, 50%, aposta em
aumento do faturamento.

Sobre as formas de pagamento para as compras de Dia das Mães, espera-se que
37% , em média, sejam à vista, e 63% a prazo.

De acordo com a pesquisa da Serasa, as vendas à vista serão priorizadas por
dinheiro e cheque, totalizando 71% das transações à vista. Nas vendas a prazo,
a maior parte das empresas do comércio espera que predomine na hora do
pagamento o cheque pré-datado (37%).

A Serasa divulga dois tipos de pesquisas a propósito do Dia Das Mães: Nível
de Atividade Econômica do Comércio: indicador baseado em dados reais das
consultas realizadas no banco de dados da Serasa, o único de alcance nacional
(pesquisa esta realizada também nas outras datas comemorativas relevantes para
o comércio); e a Pesquisa de Perspectiva Empresarial, a qual tem por objetivo
identificar as principais tendências da economia a partir do levantamento das
perspectivas dos empresários.

 

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.