Últimas Notícias

Estudos Econômicos

Comércio registra alta nas vendas de Natal, revela indicador da Serasa

27/12/2005

A movimentação do comércio aumentou na semana do Natal. Segundo o
Indicador Serasa do Nível de Atividade do Comércio , no período de 19
a 25 de dezembro de 2005, houve uma alta de 6,0% nas vendas, em relação ao
período equivalente de 2004, em todo o país. Na semana anterior, de 12 a 18 de
dezembro de 2005, o indicador já havia apontado alta de 5,3% nas vendas, quando
comparadas a 2004.

O Natal também contribuiu para aumentar a atividade econômica do comércio na
cidade de São Paulo. No mesmo período, as vendas cresceram 3,5%, na comparação
com 2004. De 12 a 18 de dezembro de 2005, a atividade do comércio havia
aumentado 2,4% em relação ao período equivalente de 2004.

De acordo com os técnicos da Serasa, os fatores que colaboram para o
resultado verificado no Natal de 2005 são a expansão do crédito para as pessoas
físicas, o aumento no número de postos de trabalho formal e o crescimento da
massa de salários.

Os números do Indicador Serasa do Nível de Atividade do Comércio
mostram que uma maior parte do setor aproveitou o movimento do Natal para
aumentar o faturamento com base na expansão do crédito, buscando práticas
seguras e qualificadas para a concessão de recursos, como forma de reduzir o
risco de inadimplência e ampliar a rentabilidade.

O Indicador Serasa do Nível de Atividade do Comércio tem como base
uma amostra das consultas realizadas no Banco de Dados da Serasa, o único de
alcance nacional. Foram consideradas as consultas realizadas no período de 19 a
25 de dezembro de 2005 e comparadas às consultas realizadas no período de 20 a
26 de dezembro de 2004. A Serasa, maior empresa do Brasil em pesquisas,
informações e análises econômico financeiras para apoiar decisões de crédito e
negócios e referência mundial no segmento, recebe mais de 3,5 milhões de
consultas/dia feitas por todos os segmentos da economia, em todo o território
nacional.

  • 2017 Serasa Experian. Todos os direitos reservados.